Portal O Mandacaru

Ex-Prefeito Auricélio Ribeiro é condenado a 2 anos de cadeia

A sentença do juiz Agliberto Gomes Machado foi dada em 02 de junho de 2017

Créditos: Divulgação. Auricélio Ribeiro Auricélio Ribeiro

Acusado de falsificar documento público no intuito de fazer parecer à FUNASA que  prestação de contas do Convênio n 123/2001 havia sido enviada pelo Prefeito sucessor, o ex-prefeito do município de Jurema, Auricélio Ribeiro, foi condenado pela Justiça Federal a 2 (dois) anos e 03 (três) meses de reclusão e a multa de R$ 10.000,00 (dez mil reais) pelo juiz Agliberto Gomes Machado, da 3º Vara Federal da Seção Judiciária do Piauí. A sentença foi dada em 02 de junho de 2017.

Segundo o MPF, Auricélio Ribeiro falsificou a assinatura de Arizolan Dias de Oliveira (Prefeito de Jurema em 2005) na prestação de contas referente ao Convênio com a FUNASA, e a enviou ao Ministério da Saúde, em abril daquele ano.

O juiz substituiu a pena de reclusão por duas penas restritivas de direitos, no caso, pecuniária no valor de 10 salários mínimos vigentes em 2005 e prestação de serviços à comunidade ou à entidade pública, a ser fixada posteriormente.

Cabe recurso ao Tribunal Regional Federal da 1º região.

OUTRO LADO

Procurado na manhã desta segunda-feira (05), o ex-prefeito não foi localizado para comentar o caso. 

Fonte: GP1

Copyright 2017 - Portal O Mandacaru