Portal O Mandacaru

Nem por vaga de Regina Sousa PT abre mão de "chapa pura", diz Fábio Novo

O deputado disse que a senadora já tem o direito de ser candidata a reeleição

Créditos: Google Deputado Fábio Novo (PT) Deputado Fábio Novo (PT)

O Partido dos Trabalhadores permanece inflexível a cerca da estratégia para o pleito majoritário e para o proporcional. Não há articulação para abrir mão da ideia de chapa pura (em nível proporcional) e, em troca, assegurar o direito de reeleger a senadora Regina Sousa. A garantia é do deputado estadual Fábio Novo (PT).

De acordo com o parlamentar, um dos líderes do PT na Assembleia Legislativa do Estado, a ideia segue e permanecerá sendo a mesma até as eleições. Indagado sobre a possibilidade de negociação, como pretende boa parte dos aliados de Wellington Dias (PT), Novo demonstrou até espanto: “que história é essa? Nenhuma possibilidade”.

“Primeiro, o Partido dos Trabalhadores é um partido que tem o direito e a legitimidade de buscar os seus espaços. Segundo, a Regina Sousa já é senadora, ainda está no mandato, ela tem direito de tentar buscar a sua reeleição. É uma parlamentar que orgulha o estado do Piauí”, completou o petista em entrevista concedida à TV cidade Verde na tarde desta quarta-feira (23).

Para justificar a intransigência os petistas recorrem à matemática. Nas contas do partido seria possível eleger, por exemplo, cinco nomes para a Assembleia Legislativa. Coligando com outros partidos o número cairia para três.

No meio disso tudo está o governador Wellington Dias, que pressionado decidiu revelar posição sobre o assunto apenas em julho. Mesmo tendo preferido bater o martelo só daqui a dois meses partidos como MDB e Progressistas dizem que o chefe do executivo estadual já dá como garantido, nos bastidores, posição favorável ao chapão.

Fonte: portalaz.com.br
Editor: Evandro Jr.

Copyright 2018 - Portal O Mandacaru