Portal O Mandacaru

Os agricultores piauienses são os que mais preservam a vegetação nativa na região Nordeste.

A afirmação é da Embrapa

Créditos: cidadeverde.com foto divulgação foto divulgação

Os agricultores piauienses são os que mais preservam a vegetação nativa na região Nordeste. A afirmação é do chefe-geral da Embrapa Monitoramento por Satélite, o pesquisador Evaristo de Miranda, que apresentou, nesta quarta-feira (20), detalhes do Cadastro Ambiental Rural que revelaram que 59,7% das áreas declaradas pelos agricultores rurais do Piauí são usadas para preservação ambiental.

“Esse é um dado inédito. No caso do Piauí, mais de 110 mil produtores cadastraram e delimitaram os seus imóveis nas imagens de satélite. Neste ano, dos 8,7 milhões de hectares, 5,2 milhões de hectares não são usados para plantação, cultivação, exploração de gado; é dedicado somente pra preservação da vegetação, das beiras de rio, por exemplo, a reserva ambiental”, contou o pesquisador.

 Evaristo de Miranda explicou que pelo mapeamento, os agricultores piauienses só usam 40% dos seus imóveis rurais, pois dedicam 60% dos seus imóveis para a preservação da vegetação. “A lei exige no máximo 20%, que é de reserva legal e preservação da vegetação. Isso também quer dizer que os nossos agricultores tem e muito potencial de crescimento”, ressaltou. 

O pesquisador citou ainda que, no Nordeste, também por meio desse mapeamento, registrou-se que Alagoas preservam 23% do total dos imóveis rural cadastrados, Sergipe preserva 25%, Pernambuco 43%. 

Outro dado interessante divulgado pelo pesquisador é de que os agricultores rurais são responsáveis por proteger cerca de 19% da vegetação nativa do Piauí. 

“19% do território do Piauí são preservados pelos agricultores. As unidades de conversação, como os parques nacionais, preservam aproximadamente 5,3%. Os proprietários rurais preservam 4 vezes a mais do que essas unidades”, destacou o pesquisador. 

Fonte: cidadeverde,com
Editor: Evandro Júnior

Copyright 2017 - Portal O Mandacaru