Portal O Mandacaru

PSB e PSDB unem forças contra reeleição do PT durante filiação de Juliana Falcão

Luciano esteve presente no evento é destacou a necessidade de união das oposições.

Créditos: cidadeverde.com Imagem: Reprodução Imagem: Reprodução

A filiação da deputada estadual, Juliana Falcão, ao PSB na manhã desta quinta-feira (5) se tornou um evento de união de forças entre o PSB e o PSDB  no Piauí. Liderança das duas legendas afirmaram que irão caminhar juntos contra à reeleição do governador Wellington Dias  (PT).

Os dois partidos podem fazer uma dobradinha na composição da chapa majoritária , que será encabeçada pelo deputado Luciano Nunes ( PSDB). Juliana Falcão é citada para a vaga de vice.

Ao ser questionada sobre a possibilidade, ela diz que só irá discutir o assunto depois de abril. "Estou indo para o PSB pela história do partido e por ter as mesmas ideias do partido. Primeiro ocorre a filiação do depois iremos tratar de composição de chapa", declarou Juliana.

Luciano esteve presente no evento é destacou a necessidade de união das oposições. 

"A Juliana se manteve firme na oposição. É um exemplo. É importante que as lideranças da oposição possam se manter em sintonia. Não temos nenhuma decisão sobre vice. Agora não é o tema. A oposição tem que debater é um projeto para o Piauí", disse.

O presidente do PSB no Piauí, ex-governador Wilson Martins, defendeu que a oposição tenha o maior número de candidatos possível. Ele é contra a proposta do ex-senador João Vicente Claudino de ter apenas um candidato.

"Eu defendo que quanto mais candidatos a oposição tiver, mas forte fica. É importante que a população tenha opções de escolha", declarou.

Durante o encontro se filiaram ao PSB, o médico Ednaldo Miranda, o empresário Elano Sampaio e o líder de movimentos sociais Vanicleudi Queiroz.

Fonte: cidadeverde.com
Editor: Evandro Jr.

Copyright 2018 - Portal O Mandacaru