Portal O Mandacaru

Servidor Público é preso suspeito de estuprar a própria filha

A Polícia Civil tem agora um prazo de 10 dias para relatar o inquérito

Créditos: Reprodução Servidor Público é preso suspeito de estuprar a própria filha Servidor Público é preso suspeito de estuprar a própria filha

Um homem de inicias R. Rodrigues, servidor público de Teresina foi preso na manhã dessa sexta-feira (14), suspeito de estuprar a própria filha de apenas três anos de idade. A Polícia Civil não divulgou o nome do suspeito para não expor a vítima.

Segundo o delegado Jetan Pinheiro, o mandado de prisão preventiva foi cumprido depois que a mãe da criança denunciou o caso.

“Há aproximadamente um mês, a mãe da criança denunciou o caso .Ela foi intimada e prestou depoimento junto com a menina. Foram depoimentos fortes, ricos em detalhes”, afirma o delegado Jetan Pinheiro.

Exames comprovaram que houve abuso sexual. “No caso de menores de idade, não há a necessidade de haver conjunção carnal para ser considerado estupro de vulnerável. No exame ficou comprovado que houve o estupro”, ressalta.

A advogada de defesa, Lucilene Gomes de Sousa, disse que o casal vive em conflito e já há um processo de separação. “Fui contratada para dá entrada no processo de separação do casal, mas houve essa reviravolta com a acusação da mãe. A mulher alega que a filha foi abusada pelo pai no horário que ela saia para trabalhar, no turno da manhã, mas é preciso investigar isso, já que ele alega que trabalha nesse horário”, afirma a advogada.

R.Rodrigues será ouvido em audiência de custódia ainda na manhã de hoje e será levado para a Polinter. A Polícia Civil tem agora um prazo de 10 dias para relatar o inquérito e encaminhar o processo para o Ministério Público.

Fonte: Portal AZ

Copyright 2017 - Portal O Mandacaru